BEMCOMUM.net Economia para o Bem Comum

Inovação Social, Empresarial e Política

13 anos de Plataforma BEMCOMUM.net! Fale connosco: +351 239100351 ou info(at)ebc.pt

Redefinir Bem Comum?

Economia de Transição

Somos uma Rede Social, com mais de 6.000 membros, promotora do projeto ENERGizar.pt.

Misturamos essencialmente conceitos de Empreendedorismo Social com Modelos e Projetos de Desenvolvimento Sustentável (Permacultura, Transição, ECGBCSD, B Corp) desde janeiro de 2009, porque como diz Peter Druker, a melhor forma de prever o futuro, é criá-lo!

A Câmara Municipal de Arouca criou um projecto chamado Quintas Sociais, cujo objectivo é oferecer aos desempregados e beneficiários do rendimento social de i...

Exibições: 392

Comentar

Você precisa ser um membro de BEMCOMUM.net Economia para o Bem Comum para adicionar comentários!

Entrar em BEMCOMUM.net Economia para o Bem Comum

Comentário de Nuno em 6 junho 2010 às 12:16
Comentário de Nuno em 6 junho 2010 às 12:14
Olá a todos, novo desenvolvimento deste caso: numa reportagem recente da revista do JN foi investigada esta iniciativa e a Câmara de Arouca foi obrigada a admitir que houveram dezenas de candidaturas (até de vários países!) e apenas estavam disponíveis 4 quintas.

Admitiu também que as famílias do RSI (todas têm família ou são idosos viúvos!) não teriam escolas e centros de saúde por perto, nem transportes e que não teriam ordenado mas sim teriam que dar ao dono do terreno um pagamento em géneros agrícolas produzidos. Acreditem ou não, isto no século XXI.

Mas há boas notícias, se formos optimistas. O projecto das quintas sociais vai ser reformulado para incluir pessoas de fora do concelho e em qualquer estatuto laboral. Isto seria óptimo porque poderia permitir a uma eventual Associação Permacultura Portugal obter o seu próprio espaço cooperativo sem custos iniciais, com a colaboração dos proprietários.

Acham que isto seria uma boa hipótese para um espaço da associação, caso houvesse essa abertura?

Cumps
Comentário de Ze Povinho em 23 abril 2010 às 22:03
Faço minhas as palavras do Helder!
Boa pesquisa Nuno, vou partilhar por ai!...
Comentário de Nuno em 21 abril 2010 às 22:31
Desculpem a repetição mas fui pesquisar o prosseguimento do caso de Arouca de que falei e descobri esta pérola:

http://www.arouca.biz/Noticias/Local/Camara_de_Arouca_nao_desiste_d...´

Quer dizer, quem não for trabalhar para um local onde se encerraram os serviços de saúde, as escolas, onde não se garante água e saneamento em condições, onde fecharam as carreiras de autocarros, vai perder aquilo para que descontou e ao que tem direito constitucionalmente.

Populismo destrutivo no seu melhor e eis um bom programa transformado num castigo. Bestial.

Ainda por cima, como podem ver nos comentários da notícia, várias pessoas tentaram candidatar-se mas a CM de Arouca marimbou-se totalmente e depois foi culpar tudo nos "subsidiodependentes". É assim que se destrói uma boa ideia!

E eu a pensar que havia bastante potencial numa cooperação com o PP, que precisa de um espaço rural cooperativo. Não que esta janela esteja fechada (eles falam em reformulação) mas já deu para perceber a qualidade da organização.
Comentário de Leonardo Roque em 3 abril 2010 às 17:34
este é mais um caso tipico do que se faz em Portugal, apenas mais uma forma de propaganda, onde o interessado passa a ser mais um, depois de verem o seu objectivo cumprido, a propaganda politica... é triste sim senhor. a mim disseram que o projecto estava em re-avaliação, e que qualquer novidade seria postada no site da câmara de Arouca. Cá vós espero! :)
Comentário de BEMCOMUM.net em 22 março 2010 às 21:42
Nuno,

Podes continuar a partilhar informação sobre este caso?
Comentário de Ze Povinho em 19 março 2010 às 21:06
Caro Nuno, obrigado por nos meteres a par da realidade do terreno!!!
Da noticias logo que a Camara se expressar e sobretudo se explicar!...
Comentário de Nuno em 18 março 2010 às 19:10
Que mentira! Entrei em contacto com a autarquia e marcamos uma reunião depois cancelaram porque me disseram que tiveram BASTANTES interessados mas não tinham conseguido angariar proprietários de quintas. Até me disseram que tinham tantas candidaturas que eu tinha poucas hipóteses de ser escolhido porque não era desempregado nem residente do Concelho.

Acho ultrajante e vou pedir explicações á Câmara, obrigado por partilhar este vídeo.

© 2022   Criado por BEMCOMUM.net.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Política de privacidade  |  Termos de serviço